O exemplo das mamães motoristas de ônibus

1257 0

Da Redação – Grávida de dois meses e mãe de um garoto de 5 anos, Adriana Silva, 37, trabalha há 10 como motorista de ônibus, mas sua primeira experiência ao volante foi dirigindo uma Van Escolar. Ela pode ser vista seis vezes por semana durante sua jornada na Metra, empresa de ônibus no Grande ABC, onde ela trabalha desde 2012, das 13h às 21h. É depois do expediente que ela busca o filho na casa da babá.

Apesar de ser tarde da noite, Adriana garante que consegue aproveitar o pouco tempo que tem para curtir o filho. “Dá para brincar com ele. Às vezes, tomamos banho juntos, também lanchamos, e antes de ir dormir ele gosta muito de conversar comigo, de saber como foi o meu dia de trabalho”, conta a motorista. E aos sábados, dia de folga de Adriana, é dedicação exclusiva ao filho. “Minha maior motivação é ele”, diz. No trabalho, ela conta que bate a saudade do filho e por isso carrega uma foto dele no seu crachá.

Mas Adriana afirma gostar muito do trabalho de motorista de ônibus e revela que tinha medo de dirigir até os 23 anos de idade. “Acho que é um medo natural de todas as mulheres”, justifica. Gosta tanto do que faz que não pretende largar o volante tão cedo, nem por causa da gravidez. “Estou com dois meses de gestação e espero trabalhar até o oitavo mês, como aconteceu na primeira gravidez”, declara a mamãe motorista.

Por seu profissionalismo, outra motorista que se destaca entre os funcionários da Metra é Lucineia Ferreira da Costa Silva, 41 anos. Com 12 anos de experiência, Lucineia se divide entre o trabalho e a criação de 6 filhos. “Não é fácil, mas a gente acaba se acostumando com a rotina”, diz a motorista sobre conciliar a vida profissional com a dura tarefa de mãe de família. “Eles sentem orgulho do que faço, admiram muito o meu trabalho. Os olhinhos deles até brilham quando entram no ônibus e me veem dirigindo”, relata Lucineia.

Na parte da manhã (ela trabalha das 16h à 24h), Lucineia diz que aproveita para tomar café com os filhos e depois levar dois deles (os de 15 e 17 anos) para a escola. De volta pra casa, ainda tem tempo de conversar, ajudar com as tarefas da escola e brincar um pouco com os três caçulas – dois meninos gêmeos de 5 anos e mais um menino de 11 anos. Depois do almoço leva os três para a escola e aproveita para pegar os outros dois. “A mais velha, de 18 anos, já se vira para ir sozinha à faculdade e também já trabalha”, diz a mãe, cheia de orgulho. “Eles são tudo para mim”, conclui.

A Metra tem uma frota de aproximadamente 300 veículos. Para dirigi-los, a empresa de ônibus tem cerca de 592 motoristas. Desse total, apenas 23 são mulheres. Mas, mesmo sendo minoria, são elas que dão um charme todo especial ao volante, chamando a atenção de praticamente todos os passageiros que embarcam nos ônibus da Metra.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "O exemplo das mamães motoristas de ônibus"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *