São Vicente ganha centros de integração da cidadania e de proteção a vítimas de violência

950 0

Da Redação – O município de São Vicente, no litoral sul paulista, contará a partir dessa terça-feira (10/2) com uma unidade do Centro de Integração da Cidadania (CIC) e outra do Centro de Referência e Apoio à Vítima (CRAVI). Os dois serviços são oferecidos gratuitamente pela Secretaria de Estado da Justiça e da Defesa da Cidadania.

 

O CIC garante o acesso das pessoas à justiça por meio de atividades como oficinas culturais, além de orientações sociais e jurídicas. Por sua vez, o CRAVI oferece atendimento gratuito a vítimas de violência e a seus familiares. “Conheço muito bem o trabalho realizado por esses dois centros e posso garantir que eles desempenham um papel muito importante junto à sociedade”, afirma a deputada federal Keiko Ota.

Mãe de Ives Ota, que foi brutalmente assassinado aos oito anos, a parlamentar tem uma atuação reconhecida em busca de paz, justiça e pelo fim da impunidade. Ela defende a ampliação dos dois serviços por considerá-los essenciais no apoio às vítimas de violência e às suas famílias.

“Tenho me dedicado, sempre que solicitada, a fortalecer o belo trabalho desenvolvido pelo CIC e o CRAVI. Tanto é verdade que sou responsável por uma emenda ao orçamento do governo federal, no valor de R$ 1,3 milhão, destinado a melhorar essas unidades no Estado. Estou plenamente convicto de que a população de São Vicente irá se beneficiar muito com a inauguração desses dois equipamentos”, diz Keiko Ota.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "São Vicente ganha centros de integração da cidadania e de proteção a vítimas de violência"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *