São Bernardo terá meio bilhão de reais em investimento de infraestrutura

442 0

Em Brasília, Orlando Morando assina contrato que garantiu aporte junto à Corporação Andina de Fomento para requalificação de áreas vulneráveis

Da Redação – O prefeito de São Bernardo, Orlando Morando,  assinou, na tarde desta quinta-feira (03/09), convênio com a Corporação Andina de Fomento (CAF) para garantir recursos para o município no valor de US$ 80 milhões (R$ 428 milhões), que será utilizado na execução de intervenções de infraestrutura urbana nas áreas de Educação, Saúde, Mobilidade, Segurança, Saneamento e Meio Ambiente. Junto com isso, será aportado mais US$ 20 milhões da Prefeitura (R$ 107 milhões).

O recurso será utilizado no Programa de Recuperação e Ordenamento Sócio-Ambiental dos Bairros de São Bernardo (Prosabs), que prevê a requalificação completa de áreas vulneráveis do município. Entre as melhorias programadas estão obras de micro e macrodrenagem, mobilidade urbana, acessibilidade, sinalização viária, eficiência energética e arborização até construção de terminais de acesso, recuperação de áreas degradadas e construção de equipamentos públicos de Saúde, Educação e Segurança.

“Acredito que a nossa primeira parceria com a CAF tenha dado credibilidade para que o município pudesse continuar avançando nestes processos. Trata-se de um programa de requalificação completo de áreas vulneráveis do município. São Bernardo tem um território de mais de 400 quilômetros quadrados, sendo que metade dele em área de proteção de mananciais. Metade da Represa Billings, espelho d’água dela, está na cidade. O manancial foi castigado por décadas, com ocupações irregulares, falta de saneamento básico. Hoje temos grande processo em andamento, que vai nos permitir até 2023 universalizar o saneamento em parceria com a Sabesp”, comentou o prefeito Orlando Morando.

Em 2017, o prefeito Orlando Morando  assinou com a CAF recursos no valor de US$ 125 milhões, que garantiram o desenvolvimento e conclusão de importantes obras, como o Piscinão do Paço e os quatro viadutos Tereza Delta, Mamãe Clory, Castelo Branco e Praça dos Bombeiros, entregues nos últimos dois anos.

“Agora, essa tomada vai nos permitir uma recuperação socioambiental, porque quando você muda a qualidade de vida de um bairro na educação, saúde, segurança, transporte você dá autoestima. É o mais completo programa para mexer com a vida das pessoas. A cidade de São Bernardo vira uma nova página antes do Prosabs e depois do Prosabs. Para nós é motivo de muita alegria. Faremos da melhor forma o melhor uso deste recurso”, adicionou o prefeito.

SETORES – Na Educação, estão previstas obras em 13 unidades escolares, entre novas construções e melhorias em prédios já existentes para ampliação da demanda na Educação Infantil e Ensino Fundamental dos bairros Montanhão, Pauliceia, Taboão, Botujuru, Independência e Alvarenga.

Na área da Saúde, entre os projetos contemplados estão a construção das Unidades Básicas de Saúde (UBS) Vila São Pedro e Vila União, um Centro de Atendimento Psicossocial (Caps) Álcool e Drogas (AD) e um Caps AD Infanto Juvenil, além de duas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), nos bairros Batistini e Vila União.

O pacote de melhorias estruturais na cidade também inclui intervenções nos canais Galileia, São Pedro, Taboão e Alvarenga Pós Imigrantes. Serão beneficiados moradores dos bairros Batistini, Montanhão, Balneária, Alvarenga, Bairro dos Fincos, Rio Grande, Balneária, Botujuru, Região do Pós-Balsa – Tatetos, Taquacetuba, Capivari, Santa Cruz, Independência, Jordanópolis, Paulicéia e Taboão.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "São Bernardo terá meio bilhão de reais em investimento de infraestrutura"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *