Auricchio vai ampliar auxílios sociais aos moradores de São Caetano

556 0

Da Redação – O prefeito de São Caetano do Sul, José Auricchio Júnior (PSDB), lançou o programa Profamília no seu primeiro mandato como prefeito, em 2007, colocando fim à falsa impressão de que São Caetano do Sul não tinha problemas sociais a serem enfrentados.

Ele criou o maior programa social de transferência de renda da história da cidade, com 40 mil beneficiários, em 15 vertentes. Depois que a gestão passada esvaziou o projeto, Auricchio resgatou o programa e, agora, no Plano de Governo para o próximo mandato (2021 a 2024), vai ampliá-lo, já que o Profamília torna-se ainda mais importante para minimizar os impactos da crise causada pela pandemia de covid-19.

Serão implantados os Auxílios Mais Educação, Educação Inclusiva e Educação Esportiva. E, na Saúde, o Cartão Auxílio Medicamentos, para idosos, pessoas com doenças especiais e pacientes com câncer. É repasse direto para as famílias de São Caetano, o que torna a cidade “para as pessoas, acolhedora e protetora”, como objetiva a máxima do Plano de Governo de Auricchio. Oferece melhores condições financeiras aos moradores e movimenta e economia local.

“Apesar de todos os nossos esforços, não estamos inteiramente a salvo dos impactos da crise social e econômica gerada pela pandemia e de suas repercussões sobre o tecido social. Por isso, temos de fortalecer a rede de proteção social no pós-pandemia, com programas de complemento de renda para as famílias são-caetanenses”, afirma Auricchio. “Temos reponsabilidade com as pessoas.”

O Auxílio Mais Educação terá repasse de R$ 60 mensais por aluno matriculado no Ensino Fundamental.

Já o Auxílio Educação Inclusiva garantirá R$ 80 mensais para alunos que possuem alguma necessidade especial comprovada por relatório médico atualizado, deficiência de natureza física, intelectual, mental ou sensorial.

E o Auxílio Educação Esportiva será de R$ 60 mensais para alunos atletas ou que participem da turma de aperfeiçoamento da modalidade esportiva da Secretaria de Esportes.

Na Saúde, o Cartão de Medicamentos repassará R$ 60 mensais para idosos de baixa renda, pessoas com doenças especiais e pacientes oncológicos. O crédito deverá ser utilizado na rede farmacêutica credenciada. O objetivo é promover a assistência terapêutica integral, facilitando o acesso do munícipe aos medicamentos nestes momentos tão delicados da vida.

Esses benefícios se juntam aos já existentes, criados por Auricchio, como o Agente Jovem, o Mais Oportunidade, o Agente Cidadão Sênior, o Remédio em Casa, o Almoço na Escola e o Programa Leite é Vida, além da cesta básica. Tudo dentro do programa Profamília.

Outros projetos sociais importantes são as ofertas de cursos de capacitação para jovens em parceria com Senai e Senac, a segurança alimentar da população em situação de vulnerabilidade, que ganhou um alento com a implantação do Banco de Alimentos Municipal, articulado ao Fundo Social de Solidariedade, entre outras.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Auricchio vai ampliar auxílios sociais aos moradores de São Caetano"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *